MENU

26/08/2021 às 14h45min - Atualizada em 26/08/2021 às 14h45min

Artistas expõem obras em drive-thru de vacinação em Aparecida

A Prefeitura de Aparecida, por meio da Secretaria de Cultura (Secult), promove uma exposição de arte no município, tocada a sentimentos bons e criatividade. Quem procura o drive-thru do Aparecida Shopping para receber a 2ª dose da vacina contra a Covid-19 é surpreendido com um Drive de Arte.



A exposição teve início nesta quinta-feira, 26, e segue até sábado, 28, das 9h às 17h. Quem passa pelo drive contempla obras do artista plástico Josimar Barbosa dos escultores Valmir Neves e Carlos Antônio, contemplados com auxílio da Lei Aldir Blanc. No total, oito artistas plásticos renomados e escultores do município farão revezamento para expor suas obras.

 

 


 
“Essa é uma entrega de contrapartida de alguns artistas plásticos e escultores beneficiados pela Lei Aldir Blanc. A ideia é trazer um ambiente descontraído para aqueles que vão receber a segunda dose. A pessoa vem receber a saúde do corpo, com a vacina, mas antes dela, já prepara a saúde da alma, com a exposição de belas artes. E essa é uma forma de valorizar nossos artistas, encantar as pessoas e promover avivamento para a cultura aparecidense”, ressaltou o superintendente de Cultura, Weyder Moreira.
“Estou muito feliz em poder mostrar um pouco de arte durante a vacinação. A arte faz bem para a alma e acalenta. A pessoa vai ficar mais calma para receber a vacina. Respiro arte há 19 anos e aqui o visitante vai apreciar arte barroca, arte sacra e outras também”, disse o escultor Valmir Neves.


 
Marco Aurélio veio tomar a segunda dose da vacina e gostou da exposição. “É muito diferente, né!? Um ambiente legal que mostra a cultura da cidade e o trabalho dos artistas”, afirmou. “Chegar aqui e ver essas obras dá uma aliviada na gente”, disse Denise Martins ao passar pelo Drive de Arte.

 

 



Para o artista plástico Josimar Barbosa a arte tem o poder de transformar o sentimento das pessoas. “Nesse momento de incertezas, por conta da pandemia, a arte vem para causar esperança, encantar o espaço em que estamos e prover o coração de boas energias”, destacou.
“As pessoas veem com aquela pressão para vacinar e ficam encantadas ao ver obras de arte. Procuramos colocar em cada peça de arte uma história. Então a pessoa vê e se identifica com isso”, finalizou o escultor Carlos Antônio.

 

 



 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://gazetacentrooeste.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp