MENU

31/10/2021 às 17h26min - Atualizada em 02/11/2021 às 22h50min

Cuidados com a pele: especialista alerta para o uso do protetor solar na prevenção de doenças

60% dos brasileiros não usam nenhum tipo de proteção no dia a dia

SALA DA NOTÍCIA Ideal H+K Strategies
Um ato simples, mas que pode fazer toda a diferença na pele. O uso do protetor solar diariamente pode prevenir doenças de pele causadas pela exposição excessiva ao sol como o temido câncer de pele, pequenas lesões, melasma e outras manchas. A orientação é quanto mais cedo uma pessoa iniciar o uso de protetor solar, menores os danos na pele ao longo dos anos.  
“Proteger a pele contribui tanto para a questão estética como para a saúde. Além de prevenir o câncer de pele, retarda o envelhecimento, já que os raios solares destroem gradualmente as fibras de colágeno, responsáveis pela sustentação da pele do rosto”, pontua a coordenadora do curso de Farmácia da Faculdade Anhanguera, Priscila A. Girotti Martins. 
A especialista alerta que a incidência dos raios solares ocorre no verão, inverno, e até em dias nublados. Com isso, é importante ter o hábito de se precaver diariamente, em todas estações do ano. “É muito importante que o fator de proteção solar esteja acima de 30 (FPS), entretanto, esse número pode variar conforme a pigmentação da pele e a exposição solar”, detalha.
De acordo com dados da Campanha Nacional do Câncer da Pele da SBD realizada ano passado, mais de 60% dos brasileiros não usam nenhum tipo de proteção no dia a dia. A professora recomenda a aplicação correta do protetor em uma camada uniforme do produto, o que deve ser repetido a cada 2 horas para a máxima proteção, especialmente após o contato com a água do mar ou da piscina ou sudorese em excesso.
A especialista preparou algumas dicas de cuidados com a pele. Confira:
•          Passar o protetor solar na pele ainda seca, pelo menos 15 minutos antes da exposição solar;
•          Reaplicar o protetor solar a cada 2 horas;
•          Escolher um protetor solar específico para as necessidades de cada pele;
•          Usar também protetor labial e um protetor solar próprio para o rosto;
•          Passar o protetor por todo o corpo de forma uniforme, cobrindo também os pés e as orelhas;
•          Evitar ficar muito tempo diretamente exposto ao sol e quando o índice da radiação ultravioleta é maior e mais danoso.

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://gazetacentrooeste.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp