MENU

17/01/2022 às 11h32min - Atualizada em 17/01/2022 às 14h51min

Blue Edtech fecha parceria com Grupo GCB para potencializar capacitação de jovens no mercado de TI

Parceria visa expandir a contratação de jovens talentos, suportando e direcionando a inserção desses profissionais no mercado de TI

SALA DA NOTÍCIA Caren
Daniela Lopes, CEO da Blue

A Blue Edtech que forma profissionais na área de Tecnologia da Informação e impulsiona a carreira desses programadores, acaba de fechar uma parceria com o Grupo GCB, uma holding especializada no mercado financeiro e de capitais, com foco nos segmentos de investimentos, consultoria financeira, securitização, antecipação de recebíveis e tokenização de ativos ilíquidos. O objetivo é expandir as oportunidades de desenvolvimento de carreira de jovens estudantes em vários setores da economia. 

Devido ao crescimento acelerado da área de tecnologia, o Grupo GCB identificou a necessidade de ampliar a contratação e a capacitação de desenvolvedores para atuar na empresa. “Já possuímos uma cultura forte de contratar pessoas jovens e com pouca experiência, então estávamos buscando uma fonte de desenvolvedores que se encaixavam nesse perfil. E a Blue se encaixa nele por ter uma proposta de valor bem parecida com o que buscávamos”, contou Paulo Morais, diretor de tecnologia do Grupo GCB.  

Recentemente, o Grupo iniciou o projeto GCB Academy, que tem como principal finalidade colocar um candidato que já esteja estudando em contato com o mundo real, para que aplique seus conhecimentos e possa iniciar sua carreira em programação. “Os candidatos são enviados pela Blue, e após uma análise são chamados para uma entrevista que foca principalmente no perfil, visto que são candidatos que estão iniciando no mundo da programação.”.  Paulo explica que os alunos selecionados são acompanhados de perto por um período de no máximo dois meses. Após esse tempo os alunos que demonstram um bom desempenho são efetivados e passam a integrar o time de desenvolvimento da GCB. Ao todo, para a área de tecnologia, serão mais de 50 vagas abertas. 

Paulo destaca ainda que o projeto oferece benefícios para as duas partes: a GCB tem a possibilidade de encontrar e formar grandes talentos e o candidato tem a chance de entender o que está estudando, na prática. A ideia é expandir o projeto, para formar mais times e abraçar mais áreas além da programação (UX/UI, QA, DBA, Devops). “Dessa forma conseguiremos ajudar e engajar a comunidade Tech que tem crescido exponencialmente, mesmo que seja uma pequena parcela por vez. Esperamos ter a BlueEdtech como principal fonte de novos talentos e formar um ecossistema onde todas as pontas sejam beneficiadas, fomentando cada vez mais a entrada de pessoas com pouca experiência no mercado de trabalho e contribuindo na formação dos alunos.”, complementou Paulo.  

Voltado àqueles que querem se inserir no mercado de trabalho de TI, aperfeiçoar sua capacitação profissional, e até mesmo conseguir o primeiro emprego ou mudar de carreira, o curso oferecido pela Blue, com 12 meses de duração, é baseado no modelo ISA (Income Share Agreement), no qual o aluno só começa a pagar o equivalente a uma porcentagem do seu salário, quando entrar no mercado e estiver ganhando a partir de um valor combinado. Após seis meses do início da capacitação, os alunos já estão aptos para atuarem com desenvolvimento de sistemas, criação de aplicativos, softwares e sites, por meio das habilidades de programação mais atuais do momento, e que atendem às necessidades das melhores empresas de tecnologia. 

“Nossa proposta é identificar talentos e dar acesso à educação de qualidade para que esses alunos possam se capacitar do ponto de vista técnico e comportamental, além de fazermos a ponte entre esses jovens e o mercado de trabalho”, afirma Daniela Lopes, CEO da Blue. Para ela, ter a oportunidade de contar com o apoio de uma instituição tão relevante para o setor financeiro é de extrema importância. “Queremos usar a força revolucionária da tecnologia para conectar pessoas e expandir horizontes através de uma metodologia diferenciada, e a parceria com o Grupo GCB vem para reforçar esse nosso objetivo, nos ajudando a levar nossa mensagem a milhares de jovens que almejam um futuro melhor por meio da educação”. 

Atualmente, a Blue conta com mais de 40 empresas parceiras de diversos setores para ajudar a empregar seus alunos. A meta da startup é formar 15 mil alunos até 2026. 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://gazetacentrooeste.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp