MENU

19/01/2022 às 14h35min - Atualizada em 24/01/2022 às 00h00min

Pesquisa revela que empresas estão apostando cada vez mais na automação para conseguir compensar a falta de mão de obra global

Estudo da UiPath aponta que 85% dos executivos americanos acreditam que a automação irá ajudar na retenção dos colaboradores e contratação de novos talentos em meio à grande onda de pedidos de demissão

SALA DA NOTÍCIA Elabore Estratégia
Foto ilustrativa

NOVA YORK, NY, 19 de janeiro de 2022– Uma pesquisa patrocinada pela UiPath, Inc. (NYSE: PATH), empresa líder em software de automação empresarial, identificou que 62% dos executivos de grandes empresas dos EUA estão passando por momentos difíceis, devido à atual escassez de mão de obra. Como resultado, 78% deles provavelmente irão investir ou aumentar seus investimentos em automação para controlar o impacto da rotatividade acima da média. 

A terceira pesquisa anual da UiPath, com executivos americanos com cargos de nível C e de gerência sênior, mostrou que:

A automação está ajudando as empresas a terem êxito diante da falta de mão de obra: 83% dos executivos dizem que suas empresas investem e/ou usam ferramentas de automação ou IA; já 78% dizem estar propensos a investir mais em automação para compensar o impacto da falta de mão de obra. Cerca de 7 em cada 10 executivos planejam aumentar seus investimentos em ferramentas de automação em 2022, em comparação com 2021.

Oitenta e seis por cento dos executivos entrevistados acreditam que a automação irá permitir que seus colaboradores se concentrem em trabalhos mais criativos e gastem menos tempo em tarefas triviais, repetitivas e demoradas. Diante disso, 85% afirmam que integrar a automação e o treinamento em automação em sua organização os ajudará a reter colaboradores e atrair novos talentos. Os executivos entrevistados também acreditam que a automação está ajudando suas empresas a ter uma melhor performance, economizando tempo (71%), melhorando a produtividade (63%) e economizando dinheiro (59%).

Muitas grandes organizações estão tentando resolver a grande onda de pedidos de demissão: 62% dos executivos dizem que suas empresas estão enfrentando dificuldades com a atual escassez de mão de obra. Os desafios que suas empresas estão enfrentando devido à falta de mão de obra incluem dificuldades para atrair novos talentos que realizem as tarefas necessárias (74%), perda de pessoas qualificadas para gerenciar as tarefas necessárias (69%) e desorganização de fluxos de trabalho devido às taxas mais altas de integração e desligamento (58%).

Embora existam inúmeras razões pelas quais as pessoas deixam seus empregos, os executivos entrevistados acreditam que os fatores que mais contribuem são: pressões no equilíbrio trabalho/vida pessoal (58%), baixa remuneração (54%) e falta de oportunidades de avanços de carreira (42%). A maioria dos executivos entrevistados acredita que a performance dos colaboradores e a retenção dos mesmos pode melhorar através de um melhor equilíbrio entre a vida profissional e pessoal (73%). Além disso, oportunidades para aprender novas habilidades no trabalho (60%) e oportunidades para melhorar as habilidades existentes no trabalho (53%) também são fatores relevantes.

Oferecer treinamento em automação é necessário para as empresas manterem e contratarem novos talentos: a pesquisa também revelou que 1 em cada 3 executivos mencionam a falta de treinamento para desenvolvimento de novas habilidades como outro motivo pelo qual as pessoas pedem demissão. Atualmente, 51% das organizações oferecem treinamento em automação, de acordo com esta pesquisa. Sessenta e três por cento oferecem treinamento em automação no local de trabalho, durante o horário de expediente, enquanto 29% oferecem treinamentos fora, mas custeados pela empresa. Esses achados são mais uma evidência de que as organizações estão expandindo o acesso à tecnologia de automação para fornecer aos colaboradores habilidades de automação. Um estudo anterior da UiPath, com 4.500 funcionários de escritório no mundo inteiro, identificou que 91% acreditam que seus empregadores deveriam estar mais inclinados a investir em treinamento digital e tecnológico, para que seus colaboradores tenham sucesso no futuro do trabalho.

“A dinâmica do trabalho e do local de trabalho continua evoluindo, criando pressões diferentes sobre os empregadores para reter colaboradores e atrair novos talentos”, disse Bettina Koblick, Chief People Officer da UiPath. “Os líderes empresariais e tecnológicos reconhecem que a automação é uma estratégia de longo prazo, que maximiza o impacto da sua pilha de tecnologia existente, sendo uma solução que ajuda cada colaborador a crescer e ter sucesso. As habilidades que esses trabalhadores adquirem em ambientes que priorizam a automação (automation-first) oferecem excelentes oportunidades de carreira em locais de trabalho inovadores.”

A terceira pesquisa anual da UiPath entrevistou, em dezembro de 2021, quinhentos executivos americanos com cargos de nível C e de gerência sênior, em empresas com mais de 1.000 colaboradores, para entender os investimentos de suas organizações em automação que visam atrair e reter talentos em meio à Grande Onda de pedidos de demissão.

Sobre a UiPath

A UiPath tem como visão entregar uma empresa totalmente automatizada (The Fully Automated Enterprise™), ou seja, viabilizar que a automação desbloqueie todo o potencial do negócio. A UiPath oferece uma plataforma de ponta a ponta para automação, combinando sua solução líder em Automação Robótica de Processos (RPA) com um conjunto completo de recursos, permitindo que cada organização escale com rapidez suas operações empresariais digitais.

Para mais informações: 
Elabore Estratégia
Luciana Santos Tardioli 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://gazetacentrooeste.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp